Uma pergunta sobre o Kiwi Q&A: o que, afinal de contas, é isso?

Uma pergunta sobre o Kiwi Q&A: o que, afinal de contas, é isso?

(superinteressante)
Por Ennio Rodrigues

nz
Além da fruta e do pequeno pássaro neozelandês, Kiwi também virou nome de rede social

Lembra quando você acessava as comunidades que seu crush participava no Orkut para saber os interesses da pessoa? Ou, lá pelos idos de 2012, quando o site Ask.fm deu a oportunidade de, diretamente, questionar tudo que você sempre quis saber, mas tinha medo de perguntar? Agora, uma rede social promete reviver a onda das perguntas e respostas, o Kiwi Q&A.

unnamed_1_ unnamed_2_

Em formato de aplicativo exclusivo para smartphones, o Kiwi permite fazer perguntas como anônimo ou de forma identificada. Ao baixar o app, o usuário é convidado a chamar todos os amigos do Facebook e, com isso, a brincadeira viralizou no começo desta semana. O programa está disponível gratuitamente para Android e iOS .

A enxurrada de convites não agradou todo mundo e dividiu o público. Com a pitada de humor de sempre, os internautas comentaram o novo fenômeno no Twitter:

kiwi-1

kiwi-5 kiwi-4 kiwi-3 kiwi-2

kiwi-7 kiwi-6
As perguntas podem ser públicas ou individuais para cada um dos contatos. É preciso que o outro usuário também esteja na rede social para responder e as respostas não podem ser anônimas. Vale lembrar também que não é obrigatório convidar todos os amigos do Facebook para usar o app.

Para evitar climão entre os amigos, é só pular direto para a timeline do aplicativo e deixar para convidar só os interessados. Para isso, basta clicar em “Terminar” no canto superior direito da tela no momento em que for sugerido o convite aos colegas.

Você já fez seu perfil no Kiwi Q&A? Vai fazer ou está de saco cheio antes mesmo de começar a usar?

Anúncios

Autor: fcrissilva

"Eu sou o tudo. Eu sou o Nada. Sou os livros que li, os momentos que passei, eu sou os brinquedos que brinquei, e os amigos que conquistei. Sou o amor que dei, e os amores que tive, as viagens que fiz, e os esportes que pratiquei. Sou minha matéria preferida, minha comida predileta, essa sou eu...eu mesma, será que vais entender? Sou o ódio resguardado, sou os sonhos realizados, os objetivos alcançados. Eu sou o meu interior, mas tambem meu exterior. Sou um conjuntos de fatores que você não pode entender. Sou a saudade, os abraços que já dei, eu sou o passado, mas também o presente e o futuro, sou os meus atos. Sou o perfeito, Mas também sou o imperfeito. Sou o contraste e a contradição. Sou a complexidade do mundo. SOU O QUE NINGUEM VÊ."

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s