ABENÇOADO SEJA O NOSSO TEMPO

ABENÇOADO SEJA O NOSSO TEMPO

“Todos os dias quando acordo não tenho mais o tempo que passou, mas tenho muito tempo. Temos todo o tempo do mundo.” [Renato Russo]

IMG-20160615-WA0012.jpg Foto: Andrea Giallanza

Um relógio, um calendário… precisamos tanto disso, né? É pecado acreditar que você está no tempo certo? Que tudo tem seu tempo? Devagar é que se anda? A vida às vezes se encarrega de ser um duelo entre você e o deus Chronos. Respirar, aquietar-se, viajar e relaxar é sempre uma boa opção.

_20160822_124601.JPG Foto: Andrea Giallanza

O tempo que passamos no trabalho, na maioria das vezes, supera o tempo que fazemos coisas para nós mesmos, no sentido mais possessivo da palavra “nós”. E aquela ideia de que “o tempo tá curto” se espelha na nossa cara frustrada por ter dedicado mais tempo às coisas nem tão nossas assim, e deixar, por exemplo, de tirar o buço imenso, a barba de meses, que só precisariam de alguns minutos do nosso dia para serem temporariamente eliminados. Em certa frequência vem aquele arrependimento temporário pelo ato semanal de procrastinar a ida à academia ou às caminhadas. E é esse tipo de procrastinação que faz a gente ver os dias correrem e deixar as coisas para o ano que vem. Dizem que o medo é um grande ladrão. E é mesmo. Mas a procrastinação é uma ladra de minissaia e batom vermelho. Seduz que é uma beleza!

_20160911_154229.JPG Coroa, Ilha de Vera Cruz, Bahia. Foto: Rosita Rose.

Conhece algum “teste” que faz parecer que o tempo realmente voou? Conheço um infalível: tenha em mente o projeto/ideia de voltar à academia, voltar a estudar, terminar algumas leituras que você sabe que vale a pena, ir mais à praia, etc. Faça uma lista. Elenque tudo no final do ano, tipo aquela lista enorme de livros que você costuma anotar, mas não consegue sequer ler cinco em um ano desempregada. Vá somando essa vontade com as responsabilidades diárias, que você vai encaixar rapidinho, sem notar, como um grande empecilho para se jogar de vez no que teu corpo e mente estão implorando. E adiando ali e acolá, você percebe que o ano já está acabando e acha que fez pouca coisa para você. Vixe… Levanta a cabeça!

IMG-20160817-WA0004.jpg Luna na praia. Foto: Andrea Giallanza

Janeiro chega e você espera que as primeiras semanas passem para, pelo menos, ajustar seus planos logo no início. Fevereiro dá um salto e chega com o carnaval e com aquele verão bombando, explodindo de calor. Aí você para e pensa: terminando fevereiro, março entro ‘na ativa’ e começo a comer melhor, a estudar para concursos, a me exercitar mais e dormir mais cedo.

IMG-20160321-WA0000.jpg Foto: Andrea Giallanza

Mas março não passa de um marco da irritação, das dificuldades das pessoas te respeitarem no teu espaço em casa e no trabalho, de gente amarga e doida para diminuir o teu açúcar. Você vai tolerando, tentando ser a mais gentil e educada das criaturas, mas a tarefa é difícil. Você está tão cansado, que até já acha engraçado o calundu do chefe, com direito a um “bom dia” entre os dentes.

IMG_5347.jpg

Você viaja. Pega a estrada, um avião, ou até mesmo uma bicicleta e cai fora por uns dias. Dias intensos e felizes. Telefone desligado. Mensagens pouco importantes sem respostas. Você quer mesmo admirar o mar, sentir a areia nos pés, comer um belo e saboroso prato de comida e esquecer do relógio.

IMG-20160610-WA0022.jpg Spaghetti alle vongole. Foto: Andrea Giallanza

Projetos mentais vão surgindo e você já compreende mais que a cada dia de reclamação, é possível um passinho para a transformação. Entende que isso tudo é necessário e nesse caminhar contínuo as insatisfações aumentam, diminuem, aumentam, diminuem, aumentam… como num ciclo cansativo. E desse ciclo, o cansaço pode te impulsionar a fazer muitas coisas. E você pode até adiá-las por um tempo, mas esquecê-las: jamais!

IMG-20160910-WA0088.jpg Foto: Andrea Giallanza

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s