Busca

A Palavra

Só mais um site WordPress.com

Categoria

Sem categoria

COMO PERMITIMOS SERMOS AMADOS QUANDO ACHAMOS QUE TEMOS POUCO A OFERECER: O ARTISTA E LEONARD COHEN

*obvious por Eduarda Amaral Uma dificuldade, pela qual muitos de nós já passou, é permitirmos nos entregar a um parceiro quando nos julgamos, de alguma forma, não-dignos do afeto do Outro. Afinal, estamos acostumados a nos apaixonar pelas qualidades positivas do... Continue lendo →

Anúncios

MÃE, OBRIGADA POR NÃO TER CRIADO UMA PRINCESA

MÃE, OBRIGADA POR NÃO TER CRIADO UMA PRINCESA Obrigada por ter comprado mais pares de livros do que pares de brinquedos. Obrigada por me mostrar que o pão custava muito, que precisava diminuir o tempo no banho para economizar energia.... Continue lendo →

Sim, eu estou solteira…

Sim, eu estou solteira e você precisa ser alguém muito especial para conseguir mudar isso. Solteira sim, sozinha quando quero. É tão simples, mas as pessoas têm dificuldade de aceitar essa situação. Vez ou outra insistem em inventar nomenclaturas para... Continue lendo →

Dez coisas para aprender:

Dez coisas para aprender: 1. Uma pessoa que é boa com você, mas grosseira com o garçom, não pode ser uma boa pessoa. 2. As pessoas que querem compartilhar as visões religiosas delas com você, quase nunca querem que você... Continue lendo →

Ela é o caos…

Ela é o caos. Ela é a tempestade disfarçada de calmaria. Ela é a dúvida disfarçada de certeza. Ela é tristeza no carnaval, ela é alegria nos dias de chuva. Ela se perde em multidões e ela se encontra ouvindo... Continue lendo →

Reflexões de uma terça de manhã

Por muito tempo, eu pensei que a minha vida fosse se tornar uma vida de verdade. Mas sempre havia um obstáculo no caminho, algo a ser ultrapassado antes de começar a viver, um trabalho não terminado, uma conta a ser... Continue lendo →

Um texto pensativa desta manhã

Eu tô cansada desse tipo de relação “se eu não falar com você, não nos falamos mais”. Sei lá, quando eu tava na quarta série era super cool demonstrar o carinho que você sentia pelas melhores amigas com bilhetinhos no... Continue lendo →

QUANDO VAMOS PARAR DE RESPONSABILIZAR A CRIAÇÃO DE EXPECTATIVAS E FALAR SOBRE RESPONSABILIDADE AFETIVA?

QUANDO VAMOS PARAR DE RESPONSABILIZAR A CRIAÇÃO DE EXPECTATIVAS E FALAR SOBRE RESPONSABILIDADE AFETIVA? (obvious) por Tainara Gomes Chegou a hora de devolvermos a vitalidade das relações humanas, abolir a falta de expectativas e passar a cobrar amores intensos, responsabilidade... Continue lendo →

MEDIOCRIDADE AFETIVA

MEDIOCRIDADE AFETIVA (obvious) por Sílvia Marques Infelizmente a mediocridade afetiva está em moda. Não é à toa que tantas pessoas estão assoladas pela depressão, pela extrema ansiedade, pelos distúrbios alimentares. Talvez estas pessoas sejam as mais sãs porque realmente é... Continue lendo →

WordPress.com.

Acima ↑