Quando éramos jovens (Flavia C. da Silva)

Quando éramos jovens (Flavia C. da Silva) Todo mundo ama o que você faz. Do jeito que você fala, Até o jeito como se move. Todo mundo está assistindo você. Porque você se sente em casa. Você é como um sonho se tornando realidade, Mas quando você tem a chance de ficar sozinho. Eu posso … Continue lendo Quando éramos jovens (Flavia C. da Silva)

Anúncios

POR UM MUNDO COM MENOS “ESTOU COM SAUDADES” E MAIS “ESTOU INDO TE BUSCAR”

POR UM MUNDO COM MENOS “ESTOU COM SAUDADES” E MAIS “ESTOU INDO TE BUSCAR” (obvious) por Pamela Camocardi Atitude é tudo. Decore isso. Anote na geladeira, na parede, na testa, mas não esqueça! É possível esquecer as palavras, mas você jamais esquecerá a forma como as pessoas te fizeram sentir. Sou suspeita dizer, porque amo palavras. … Continue lendo POR UM MUNDO COM MENOS “ESTOU COM SAUDADES” E MAIS “ESTOU INDO TE BUSCAR”

A GENTE PRECISA APRENDER A LIDAR COM AS CONSEQUÊNCIAS DAS NOSSAS ESCOLHAS

A GENTE PRECISA APRENDER A LIDAR COM AS CONSEQUÊNCIAS DAS NOSSAS ESCOLHAS (obvious) por Sílvia Marques Enfim, ajoelhou, tem que rezar. Escolheu? Tem que assumir as consequências da escolha feita, sendo boas ou más. Não dá para ficar esperando por um golpe de sorte do acaso que venha limpar toda a sujeira que a gente fez. … Continue lendo A GENTE PRECISA APRENDER A LIDAR COM AS CONSEQUÊNCIAS DAS NOSSAS ESCOLHAS

CHANTAGEM EMOCIONAL: A MAIS SUTIL FORMA DE VIOLÊNCIA

CHANTAGEM EMOCIONAL: A MAIS SUTIL FORMA DE VIOLÊNCIA (obvious) por Sílvia Marques Algumas pessoas vivem levando em consideração os sentimentos alheios, mas muitas vezes, são as mais desrespeitadas e desconsideradas pelos outros. Vivem no centro de saias justas, de situações constrangedoras e tendem a sentir muita culpa quando conseguem dizer um não, mesmo percebendo que o … Continue lendo CHANTAGEM EMOCIONAL: A MAIS SUTIL FORMA DE VIOLÊNCIA